Pular para o conteúdo principal

Postagens

Mostrando postagens de Outubro, 2011

O mistério de cada um

"Com todo o perdão da palavra, eu sou um mistério para mim." (Clarice Lispector) " Quem pode afirmar saber quem é seu pai, quem é sua mãe, quem são seus filhos?" É o que questiona Danuza Leão em sua crônica "A verdade de cada um" . Pergunta-se o quanto realmente conhecemos das pessoas que vivem conosco. Será que conhecemos quem é a pessoa que há tanto tempo vive junto de nós?  Para a escritora, "ninguém sabe o que o outro pensa, o que acha, o que quer, o que pretende fazer; sobretudo, o que é capaz de fazer" .  E o que a motivou a escrever sobre isso foi aquele caso, ocorrido há meses, do menino que levou a arma do pai à escola, atirou na professora e, em seguida, suicidou-se. "O que teria passado pela cabeça daquele menino? Ninguém nunca saberá."  Argumenta ainda com aqueles casos de homens que saem para comprar algo e nunca mais voltam para casa. Somem e nunca mais se tem notícia deles. E realment

Os sentidos da vida

"Qual é o sentido da vida?" Por que certas pessoas procuram por esse sentido? Muitos imaginam que essa vida "efêmera" não tem sentido algum. "Se vamos morrer, qual o sentido disso tudo?"  E me pergunto: por que a vida precisa ter um grande sentido, um grande propósito - difícil de se compreender até -, que é o que parece ser a resposta que essas pessoas buscam. A vida tem muitos sentidos, ou como afirma Contardo Calligaris , "se justifica por si só" . Para o  psicanalista, "essa necessidade de justificar  a vida se impõe, quando a própria vida não se basta mais" . Para ele, procura-se um sentido para a vida somente  "quando o cotidiano perde sua graça e seu encanto" . Existem pessoas que só veem sentido na vida, se levantarem uma grande bandeira, uma grande causa, se tentarem diminuir a fome do mundo ou salvarem a Amazônia... Não estão errados ao defenderem algo de  bom e para o bem, é claro. Mas fazendo isso estão da