17 de março de 2009

A beleza do dia de hoje

Hoje, li no quadro de um consultório a frase: "Não deixe que a tristeza do passado e o medo do futuro tirem a beleza do dia de hoje". Apesar de essa ideia já ter virado clichê, é algo em que se deve pensar com cuidado. 
Conheço muitas pessoas que ficam se entristecendo por ficarem voltadas para o passado. O mesmo acontece àqueles que sentem medo das incertezas do amanhã e passam muito tempo imaginando o que será o futuro. Para ambos, os pensamentos vão formando verdadeiros emaranhados que só trazem dor. Por que isso? Será por fuga do que tem vivido hoje? Talvez... 
Confesso que já tive fases de pensar no que se foi, e também de me preocupar com o que seria o futuro. Mas aprendi que o passado não mais existe e ter medo do futuro ou do que ele nos reserva é uma grande insegurança, além de muita falta de confiança no que somos. E, cá pra nós, grande perda de tempo! É hoje que vivemos, hoje que podemos mudar algo, hoje que podemos ser felizes. Então sejamos! 
Nossos pensamentos e palavras são poderosos e podem modificar para melhor nosso estado de ânimo, se positivas forem nossas ideias e ideais, nossos desejos e a nossa autoconfiança. Parece-me que para as pessoas serem felizes hoje, precisam brigar com tudo e todos, com seus próprios medos, tristezas, dores, lamentações e críticas. 
Vivemos um imenso pessimismo. Estamos rodeados de notícias estarrecedoras, sofrimentos, desastres e, assim, se nos deixarmos levar por tanto negativismo, vamos nos contaminando, vamos imaginando que nossas vidas não tem sentido algum. E, ao contrário, podemos observar a natureza, a luz do sol, as árvores à nossa volta e toda a beleza que a vida sempre oferece bem ali ao nosso lado. 
Esquecemos das pequenas coisas que nos dão prazer. Em muitos momentos, o que precisamos é falar mais bobagens, sermos mais irreverentes e não nos levarmos tão à sério. Portanto, vamos sorrir mais, cantar aquela música de que gostamos, conversar com os amigos, encher de flores a casa e pensarmos em alegria. Vamos caminhar pelas ruas, ver pessoas, movimento, inspirar e expirar o ar, vagarosamente, e senti-lo em nossos pulmões, e então, sentirmos que estamos vivos exatamente no dia que nos interessa: hoje. 
E que esses pequenos prazeres nos transformem em pessoas capazes de viver a beleza do dia de hoje com alegria e leveza nos corações.

8 comentários:

  1. Perfeitas as suas palavras. Mas digo ainda mais... nós damos muita atenção aos dissabores e às mazelas da vida e deixamos de lado aquilo que faz valer a pena respirar. Sabe por que? Porque Essas coisas boas são as que nos empurram... são o combustível da vida. E, por isso, se confundem com a própria vida em si. As mazelas... os dissabores... as tristezas... essas são as anomalias... são como huma manchinha de tinta em huma folha imaculada. Por menores que sejam, quando aparecem, saltam aos olhos. Nós precisamos evitar tanta atenção a essas manchinhas... e apreciar a beleza de tuo o mais que ainda permanece imaculado. É como naquele filme de Spielberg: "Não há nada que aborreça mais o Criador, do que o homem passar pela cor púrpura do campo e nem perceber".

    Hum beijo Grande!

    Ah... gostei do novo layout do blog.

    ResponderExcluir
  2. Obrigadaaa =]
    Saudades de seus comentários, Vladimir!

    Volte quando quiser. xD

    Beijos!

    ResponderExcluir
  3. Rosa Silvana23/05/2011 22:43

    Ola Rita, perfeito, mais do que nunca é momento de deixarmos nossa criança eterna aflorar, a inocencia, o usufruir.Nesse mundo onde palavras que possuem tanto poder, se perdem no vento.
    Que tal começarmos por sentir a nossa respiração, olhar a nossa volta, a partir dai as coisas vão acontecendo uma a uma e vivenciado as ruins e boas sabendo que tudo passa..Não possuimos o poder de reter nada e controlar nada. possuimos o poder de reprogramar nossa mente,nossa visão, nossas emoções. Liberando simplesmente.Vamos praticar mais a aceitação,o desapego,assim podemos usufruir o hoje que é o que temos.............bom o ruim.....passa.Vamos faze-lo sempre o melhor,assim a paz permanece em nosso coração e o medo vai-se embora.........E nos sentimos muito melhor,segura, confiante....

    ResponderExcluir
  4. Que lindas suas palavras, Sil!
    Adorei!

    Beijos!

    ResponderExcluir
  5. O Mundo tá cheio de pessoas que se deixam levar pelo negativismo...contribuindo assim para que a vida se torne mais difícil, mas ao nosso redor tem tantas coisas belas(familília, amizade, natureza...), o que falta é prestarmos mais atenção e darmos o devido valor àquilo que realmente faz sentido a nossa existência.
    Belo texto, amiga!
    bjss.

    ResponderExcluir
  6. GOSTEI MUITO COMO O ARTIGO ESTÁ EXPOSTO. PARABÉNS DE UM PORTUGUÊS.

    ResponderExcluir
  7. Minha amiga, penso como você, sempre há algo bom que nos possa fazer algum bem.

    Obrigada pelas belas palavras que sempre deixa neste blog.

    Beijo grande, Sandra!

    ResponderExcluir
  8. Senhor Conde da Gardunha, obrigada pelas palavras. Seja sempre muito bem-vindo!

    Abraço desta brasileira! ;)

    ResponderExcluir

E você, o que pensa a respeito? Comente!

ShareThis

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...