2 de dezembro de 2008

Pensamento me leve...

"leve  como uma pena leve
leve, leve, leve
como uma pena leve"

(Nô Stopa)



Pensamento, me leve, como o azul do céu que é lindo, quando sabemos ver; me leve como os sons dos pássaros cheios de encantamento, quando sabemos ouvir. Leve, bem leve, me leve para ver os raios de sol que entram pela minha janela.
Pensamento, me leve a ver o mundo com poesia, com leveza e com sensibilidade.
Pensamento, me leve a sentir a brisa, o vento, a ventania na minha pele e nos meus cabelos, de leve, leve.
Pensamento me leve a entender que a vida é isso, mas de leve. Leve para eu entender que levo dela apenas o que aprendo, o que ensino, o que conheço e até o que desconheço ainda.
Pensamento, me leve a ajudar as pessoas, porque é assim que aprendo como ajudar a mim mesma. Pensamento, me leve, nesse instante, para dentro de mim, com amor e sem culpa, de leve, me leve a ver que essa sou eu, com defeitos que devo aceitar, mas muitas qualidades a descobrir.
Pensamento, me leve a ver que existem possibilidades ainda desconhecidas, pessoas indispensáveis, não insubstituíves, mas que me ensinam todos os dias um pouco da vida.
Pensamento, me leve a todos os cantos onde eu possa ser feliz, com leveza, discernimento, alegria, e paz de espírito.
Pensamento, me leve até onde eu nem queira ir, pois sei que descobrirei muito e entenderei o que é a vida, afinal!
Pensamento, me leve, leve, me eleve.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

E você, o que pensa a respeito? Comente!

ShareThis

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...